sexta-feira, 11 de agosto de 2017

Três características daquele que foi ressuscitado com Cristo. (esboço de pregação)

Três características daquele que foi ressuscitado com Cristo. (esboço de pregação)

Tipo de sermão: textual (Veja também: Tipos de Sermões)

Texto base: (Colossenses 3:1-3)

Introdução: Paulo fala aqui aos que ressuscitaram com Cristo. Quem são estes? São os que morreram com Ele para o pecado (Romanos 6:5,6). Também em (Gálatas 2:20) Paulo diz: “Já estou crucificado com Cristo...”, ou seja, para ressuscitar é preciso morrer. Em (Gálatas 6:14) ele diz: “o mundo está crucificado para mim e eu para o mundo”. Paulo colocava a cruz de Cristo entre ele e o mundo, de forma que quando ele olhava para o mundo este estava morto para ele, e o mesmo ocorria quando o mundo olhava para Paulo.
   Vejamos então três características daquele que morreu para o mundo e já ressuscitou espiritualmente com Cristo:

1. Ele busca as coisas que são de cima (v.1).

- Buscar as coisas que são de cima significa mortificar o velho homem (v 5-10).
- Precisamos buscar as coisas que são de cima porque elas são eternas (2 Corintios 4.18).
- Precisamos buscar as coisas que são de cima porque quando fazemos isto as demais nos serão acrescentadas (Mateus 6.33).

2. Ele pensa nas coisas que são de cima (v.2).

- Temos que ocupar a nossa mente com o que é puro (Filipenses 4.8).
- Para sermos bem-aventurados precisamos ocupar a nossa mente com a Palavra de Deus de dia e de noite (Salmos 1.1-2).
- O que está registrado na nossa mente é o que guia as nossas atitudes, por isso, precisamos meditar continuamente na Palavra (Josué 1.8).


3. Ele está com a vida escondida com Cristo em Deus (v.3).

- Aquele que está com a vida escondida em Deus está protegido do pecado (1 João 3.6).
- Aquele que está com a vida escondida em Deus está protegido do mal (Salmos 91:1), (Salmos 46:1).

Conclusão: Já conhecemos então agora quais são as características daquele que morreu para o mundo e ressuscitou com Cristo para uma vida de santidade na sua presença. É momento de fazermos estão uma reflexão: estas características estão presentes em nós? Que a cada dia elas sejam mais abundantes em nossas vidas!